Minha casa, minha vida: Saiba como participar do programa!

O sonho de ter a casa próprio pode ser facilitado por meio de iniciativas do Governo Federal como o Minha casa, Minha vida, que tem como objetivo o financiamento facilitado de casas populares a pessoas que não tem um rendimento alto.

Essas casas ou apartamentos, contam com estrutura padronizada de sala, cozinha, banheiro e dois quartos. Assim é possível abrigar tanto pessoas sozinhas, quanto famílias confortavelmente.

Para participar é preciso se cadastrar no programa, comprovar está dentro dos critérios estabelecidos, comprovar renda e esperar pela contemplação da casa. Se você tem interesse em participar do programa, então é só continuar lendo que vamos explicar como ele funciona!

O que é o programa?

O Minha casa, minha vida foi criado pelo governo para ajudar as pessoas que querem sair do aluguel e ter sua casa própria, mas não tem condições de comprar por causa das taxas de juros altas e dos valores destes imóveis.

Já com o minha casa, minha vida, os imóveis do programa possui preços populares e taxas pequenas que cabem no orçamento familiar sem prejudicar.

Desde a criação do programa, milhares de famílias já conseguiram ter a sua casa própria e não ter que pagar aluguel. Além de morar em locais confortáveis e seguros, já que as casas são construídas levando em consideração a segurança dos moradores.

Taxas do Minha Casa, Minha vida

As taxas de juros do programa variam, mas podem ir de 5% a 9%, ainda assim muito mais baixas do que as de financiamentos tradicionais em bancos. Dessa maneira o valor final do imóvel financiado será quase o mesmo dele a vista.

Outro ponto diferente do financiamento do minha casa, minha vida para outros é que nele é possível ter prazos de pagamentos maiores o que deixam as parcelas suaves. Cada parcela do financiamento não pode ter valor que ultrapasse 30% da renda familiar.

Requisitos para participar

Podem participar do programa minha casa, minha vida, pessoas físicas que não possuem imóveis em seu nome, já tem mais de 18 anos e possuem renda de até R$ 1800 reais por pessoa da família.

O cadastro é realizado nas prefeituras da cidade, ou nos centros de serviço social, para realizar o cadastramento é preciso levar os documentos pessoais, identidade, comprovante de renda e um comprovante de endereço atual.

Após o cadastro você só precisa de esperar até saírem os resultados, e caso seja contemplado é necessário mudar para a casa em até 30 dias ou perde o direito.

Simulador

Se você quer saber qual seria o valor do seu financiamento de acordo com o número de parcelas escolhido é possível utilizar o simulador do minha casa, minha vida que está disponível no site da Caixa Econômica Federal.

A simulação é feita gratuitamente e você pode fazer quantas vezes quiser. Mas lembre-se que é apenas a simulação, você não estará concorrendo a casa pelo programa. Para isso é preciso de se cadastrar na prefeitura da sua cidade.